Marketing Social: Sua importância para o sucesso da Software House.

Marketing Social: porque ele também é importante para o sucesso da sua software house!

Marketing Social

Sabemos que uma boa marca não é construída apenas de um bom produto, mas sim de inúmeros aspectos ao redor deste produto, desde o atendimento até o comportamento da marca dentro da sociedade. Quais são esses aspectos? Continue a leitura.

Tempo de Leitura: 8 minutos

Qual é o papel das empresas, atualmente, para a construção de um mundo melhor? 

É claro que existe a responsabilidade inerente às instituições governamentais, mas é interessante compreender que todos nós, indivíduos e organizações, podemos contribuir com melhorias em nosso meio, para que as próximas gerações possam viver com mais qualidade de vida e estas, por sua vez, continuem atuando em ações que possam contribuir para manter o mundo um bom lugar para se viver.

Assim, torna-se essencial que empresas de todos os países tenham a consciência deste papel tão importante e passem a dar uma atenção maior a ações diferenciadas, que não tenham por objetivo apenas aumentar a lucratividade e expandir o seu poder de atuação nos negócios, mas investir também em ações de implementação de melhorias que beneficiem a sociedade e meio ambiente como um todo e, por consequência, passe a ser uma marca cujo público-alvo sinta-se igualmente estimulado a agir em busca de melhoria para o planeta. 

Conheça a Casa do Desenvolvedor

Autoridade da marca de software

Ser autoridade no seu segmento é um grande diferencial competitivo, ainda mais no setor de tecnologia. Se pararmos para pensar, quem é reconhecido como referência tem mais credibilidade dentro de sua especialidade e, no caso de uma software house, é extremamente benéfico, já que aumenta a atração de clientes fiéis e engajados com sua marca.

Dentro do marketing digital, isto é de grande importância. Ser uma marca de autoridade em época de grande concorrência e ter uma posição sólida e de referência traz o destaque necessário para o negócio fluir e caminhar bem para além das mãos do gestor.

Desta forma, para se tornar autoridade dentro do segmento de software, é necessário um conjunto de esforços contínuos: a sua tecnologia e solução, mais o conteúdo oferecido, o relacionamento com os clientes (e potenciais clientes), mais a transformação social embarcada

É este combo de benfeitorias que fará com que a sua marca conquiste a confiança da sua comunidade e clientes.

Vamos entender melhor como a sua marca e solução podem se tornar autoridade no mercado de tecnologia e adotar as práticas para o cotidiano da empresa? Bora lá:

Abra um foco além das vendas por um momento.

Aqui não estou afirmando que a equipe do seu negócio não precisa pensar nas vendas para lucrar e crescer. Porém, para se tornar autoridade, não foque nisso como o único objetivo principal. Entenda: 

Quando uma marca é uma autoridade, ela agrega algo a mais na vida de seus clientes e na comunidade em que este cliente vive e permanece. Este diferencial pode ser uma facilidade em realizar alguma tarefa, uma visão inovadora sobre uma tarefa complicada ou entregar novas condições que permitam um bem-estar maior para seus clientes, independente se aqui exista vendas ou não.

Então, o que quero dizer com isso é que a sua marca deve conduzir a sua tecnologia junto de um propósito maior em termos de sociedade, agregando algo duplamente importante à vida de seus clientes.

Lembre-se: ser uma autoridade em tecnologia significa ganhar a confiança do seu público ao entregar a ideia de dias melhores com essa solução para o nicho do seu cliente e para a sociedade em que seu cliente está inserido.

Com esse foco nas suas entregas, o aumento das suas vendas se tornará uma consequência.

Não tente abraçar o mundo, é impossível se tornar autoridade para todos!

Sim, é isto mesmo que você leu e vou explicar o porquê: essa é uma tarefa que depende diretamente do segmento da sua marca e tecnologia. Ela é relevante para um pequeno grupo de pessoas para qual ela será uma solução. Então, direcione a sua autoridade para seu nicho, sua persona.

Visto isso, entenda quem são as pessoas que podem ser beneficiadas com seu sistema e serviços… aquelas que realmente irão enxergar o real valor em sua empresa, marca e tecnologia.

Você sabe o que seu público precisa?

O que o seu cliente ideal espera da sua marca de tecnologia? Você tem essa informação em mente? Quais são as ações que ele espera que a sua marca de tecnologia cause na sociedade em que a empresa dele atua?

Pense rápido 😁 E se você não conseguir responder essas perguntas, será importante voltar algumas “casas” no jogo para gerar essa autoridade.

É importante que você conheça as motivações, problemas e as necessidades do seu público, pois desta forma você passa a entender também os gatilhos que levam ao consumo da sua solução, e levá-lo a adquirir seus sistemas e serviços. 

A partir desse conhecimento, é possível definir uma estratégia baseada em responder ou auxiliar sua audiência e a comunidade à volta dela com essas questões.

Entendendo estas perguntas você começará a produzir ações assertivas em prol do bem social, e que irão agregar valor para as pessoas da empresa do seu cliente, pois sim, a empresa do seu cliente é feita de pessoas e suas relações sociais com o meio em que vivem.

Use os canais certos para gerar autoridade

Quaisquer ações realizadas para levantar a autoridade da marca é importante que elas sejam divulgadas para seu público ver, rever e adorar.

Porém, nem sempre utilizar todos os canais digitais existentes é o melhor processo para se tornar uma autoridade. 

O que quero dizer é que não adianta a marca ter presença em todos os canais e não focar 100% no canal que sua audiência mais utiliza para receber suas comunicações. 

O objetivo aqui é gerar uma maior conexão e aproximação com aqueles que estão dentro do perfil de cliente ideal da sua marca, por isso, é importante saber onde eles estão.

A sua empresa obterá um maior sucesso na comunicação em quais canais? Será que a sua software house deveria estar presente no Facebook, no Instagram, no LinkedIn, no Twitter, no YouTube, no TikTok. Sugiro um bom estudo e levantamento destas plataformas por meio de testes e equipe dedicada a estas experimentações.

O mais importante é que a sua software house possa estar dentro dos canais que mais trazem vantagem em comunicação com seu perfil de clientes e que consiga mantê-los sempre atualizados, sempre postando novidades do sistema e também interagindo com sua audiência, pois novamente, a ideia é focar onde as suas personas estão e apostar em qualidade e um bom relacionamento. 

O que é Marketing Social?

Aproveitando o assunto que acabamos de comentar acima (relacionamento), o Marketing Social é uma estratégia de marketing, que tem sua base construída no relacionamento com o cliente e na responsabilidade social corporativa, ou seja, leva em conta critérios éticos e sociais de uma comunidade, a fim de promover a marca alinhada às benfeitorias trazidas pela própria marca dentro da sociedade.

Essa maneira de promoção de marca surgiu da necessidade de satisfazer os interesses dos clientes, ao mesmo tempo, de contribuir com o bem-estar social, consumo sustentável e inovação, que são tendências atuais e mundiais no mercado da tecnologia.

Isso não deixa de lado o marketing com foco nas vendas, prospecção, parcerias e trocas imediatas, mas acrescentando o marketing social na sua estratégia, é possível construir relacionamentos mais fortalecidos com seus clientes e com a comunidade, gerando um maior valor a longo prazo, principalmente, aumentando a autoridade da sua marca de tecnologia.

Uma das formas de garantir esse vínculo é suprindo os interesses da sociedade e de seus clientes com seu software, junto da atitude da sua marca, demonstrando que a empresa está comprometida com o futuro do planeta e com todo o ecossistema em que a empresa do seu cliente atua.

Assim, para apresentar seu compromisso com esses valores do marketing social, é possível que a sua empresa apresente campanhas beneficentes, ações solidárias e proatividade movidas a práticas que beneficiem a comunidade, práticas sustentáveis e filantropia, assim como outras benfeitorias sociais.

São necessários alguns elementos para que você possa estruturar uma campanha social de impacto. Vamos conhecer quais são eles?

Visualizando a Causa

Em uma campanha de marketing social, deve-se observar a causa para que ela esteja alinhada com os valores e soluções da sua software house.

Suas ações poderão ser aplicadas nos âmbitos da saúde, do meio ambiente, da proteção animal, do combate à fome, assistência às catástrofes, direitos dos menos favorecidos e muitas outras opções em que o know-how tecnológico da sua empresa é capaz de alcançar.

É claro que as ações sociais que comento aqui não precisam, necessariamente, estar ligadas ao produto que você oferece, mas sim ligadas à transformação que uma empresa de tecnologia deseja e pode levar para a sociedade, seja com sua solução, ou seja com a sua equipe e com seus valores sociais, afinal, a sua software house também é feita de pessoas.

A promoção da mudança

É importante refletir e pesquisar sobre como sua empresa pode se tornar um agente de mudança. 

É possível que você comece a estruturar as ações sociais verificando se sua software house irá agir sozinha ou como participante de um trabalho coletivo com outras companhias, entidades de ações sociais ou instituições sociais, como ONGs e projetos já existentes que poderão impactar a sociedade.

O importante é definir onde, quando, quem serão os envolvidos e de que maneira a sua empresa irá contribuir.

Definida a causa a ser trabalhada e os promotores de mudança, é o momento de organizar e realizar as ações, tirar os planos do papel para que eles possam realmente atingir o objetivo da ação social.

Comunique as ações

E já puxando um gancho sobre os canais digitais que você irá utilizar para divulgar estas ações, lembre-se que: quanto mais clientes e cidadãos souberem que sua empresa se preocupa com um mundo melhor, mais elas irão se lembrar e associar a sua marca como referência em tecnologia e bem-estar social

Então, importe-se em sempre em fazer uma boa divulgação das suas ações sociais.

É importante que na sua comunicação, seu público possa acompanhar todo o processo com transparência, para entender onde o investimento e os esforços da sua software house estão sendo aplicados, além de deixar visível o nível de comprometimento da sua marca com a causa escolhida. 

Norteadores das suas ações:

Preste atenção e considere estes 04 elementos do marketing social:

  1. Mensagem ✅
  2. Pessoas ✅
  3. Transformação ✅
  4. Alcance ✅

A mensagem significa o posicionamento da sua marca de tecnologia frente à situação social que você escolheu para gerar uma boa mudança.

As pessoas são todas as envolvidas e devem ser colocadas em primeiro lugar, como receptores ou como promotores das ações. A sua equipe, os envolvidos na ação, os seus clientes, os clientes dos seus clientes e a comunidade de cidadãos atingidos com as atividades programadas.

A transformação é o resultado que você irá alcançar e trazer para a sociedade. É ela que irá nortear os recursos, investimentos e esforços que sua software house irá aplicar.

E o alcance diz respeito aos esforços de comunicar em larga escala sobre as transformações alcançadas e promovidas pela sua marca, para que mais e mais pessoas se beneficiem desta transformação, ao mesmo tempo, em que a sua ação fica automaticamente reconhecida, reforçando e afirmando os valores da sua empresa de tecnologia para com o bem-estar social.

Ao contrário do que muitas pessoas possam imaginar, essas iniciativas não são “gastos” que impactam na lucratividade da empresa, mas sim, investimentos em um futuro melhor para todos e na consolidação da sua marca. 

Ações sociais objetivam dar um novo olhar para crenças e valores diferentes do que o seu cliente nem sequer possa imaginar que a sua empresa de tecnologia poderia oferecer! Tudo para mudar, inovar ou cuidar melhor do meio em que se vive.

É neste caminho tão importante que empresas que praticam o marketing social, consigam ter uma boa imagem perante a sociedade, estreitando sua relação com os seus clientes e garantindo credibilidade e diferenciação no mercado, gerando inclusive uma maior competitividade.

A importância de mudar o mundo

O Marketing social hoje vai muito além de um discurso bonito. 

É por isso que a sua empresa de software também deve e pode promover causas sociais para criar e estabelecer uma melhor conexão com seu público e, de quebra, alimentar a autoridade da sua marca, comprometendo-se verdadeiramente com as mudanças. 

O retorno virá através de clientes ainda mais satisfeitos, reconhecimento social, maior confiabilidade do cliente na hora de fechar os contratos e a ótima reputação da sua marca.

Bom, era este o meu recadinho, espero que este conteúdo tenha ajudado a trazer um novo olhar para a inovação em ações sociais dentro da sua software house. 😉

Quer saber como alavancar sua Software House? Clique no botão abaixo e acesse o programa Software House de Sucesso da TecnoSpeed gratuitamente!

Laís Luz
Laís Luz
Graduada em Ciência da Informação e apaixonada por tecnologia. Assistente de Marketing da TecnoSpeed.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.