Sell in e Sell out: Entenda a diferença e importância de cada um

Sell in e Sell out: Entenda a diferença e importância de cada um.

Sell in e Sell out

Quer aumentar suas vendas da sua Software House? Conheça as estratégias Sell in e Sell out!

Tempo de Leitura: 4 minutos

A cada dia uma nova estratégia de venda é idealizada, um novo canal é criado e a sua Software House precisa estar preparada para todas essas novidades e saber como se comportar corretamente em cada uma delas.

Se suas estratégias forem genéricas, os clientes não sentirão o impacto da sua proposta e de como sua marca está bem no mercado. Por este motivo, é importante estar atento às novidades nos processos de vendas, como, por exemplo, a Sell in e a Sell out.

Estes termos estão ligados ao trade marketing, desenvolvido para apresentar os produtos de uma empresa em diversos canais de forma estratégica. Ou seja, dar uma maior visibilidade e otimizar as vendas do seu negócio.

Quer aumentar suas vendas da sua Software House? Então vem com a gente e conheça as estratégias Sell in e Sell out!

Conheça a Casa do Desenvolvedor

O que é Sell in e Sell out?

Sell in e Sell out representam diferentes estratégias de vendas, basicamente, você precisa definir qual é o seu público: está apresentando o seu produto para o consumidor final ou para uma revenda? Confira a seguir as particularidades de cada modalidade. 

Sell in

Chamamos as negociações Business to Business (B2B) de Sell in, pois se referem às vendas realizadas pela indústria aos canais de distribuição, que também são conhecidos como pontos de venda (PDV).

Neste modelo, existem algumas particularidades, pois o volume de carga é maior fazendo com que as transações sejam mais demoradas, se comparadas com as Business to Customer (B2C). Além disso, também são negociados mix de produtos e valores.

Com isso, é de extrema importância que o responsável pelo B2B tome a decisão correta na hora de realizar a compra para não tomar uma decisão precipitada e prejudicar seu estoque.

Sell out

Já o Sell out, é o famoso Business to Customer (B2C). Ou seja, quando o produto sai do ponto de venda e vai direto para o consumidor. Uma maior frequência de compra e baixo ticket médio são algumas das principais características dessa modalidade.

Dessa maneira, as vendas costumam ser menores e mais rápidas, já que são feitas através das lojas físicas ou e-commerce da empresa. Seu transporte também é facilitado, já que a entrega é feita de forma fracionada pelos entregadores.

Como vender mais no Sell in?

Como pode perceber, a estratégia Sell in está diretamente ligada ao mercado B2B. Se este é público que deseja alcançar, atente-se as dicas que trouxemos a seguir: 

Estratégias alinhadas

Mesmo que o Sell in seja fundamental para as operações de trade marketing, é o Sell out que entrega o produto ao comprador final, sendo de fundamental importância que ambas as estratégias estejam alinhadas para manter o controle sobre o giro de estoque das empresas. 

Investimento em tecnologia

Para maximizar as oportunidades de negociações, é importante utilizar ferramentas que analisem o estoque, façam emissão de pedidos, ferramentas de CRM e outras tecnologias facilitadoras. Tratam-se de recursos que agilizam e simplificam a vida dos vendedores, os quais podem direcionar mais tempo e esforços para o fechamento de novos negócios.  

Valores competitivos

A quantidade de produtos negociados é muito maior que no Sell out, assim, é necessário ter uma margem de preço que seja atrativa para o distribuidor, além disso, você deve agregar valor a sua marca com um atendimento de maior qualidade e outros diferenciais que conquistem a preferência.  

Como vender mais no Sell out?

Para alcançar os compradores finais, você deve investir nas estratégias Sell out. Veja por onde começar:

Conhecer o seu cliente final

Para melhorar os resultados de vendas para o cliente final você precisa conhecê-lo.  Realize uma pesquisa de mercado, estude seu segmento e o seu público, saiba suas características, problemas e expectativas. Dessa forma, sua empresa será mais assertiva nas ações e no modo de abordar os clientes.   

Investir em PDV

Para atrair o público ao seu ponto de venda, você pode realizar ações especiais em datas comemorativas, entrega de brindes e valores promocionais. Além disso, essas estratégias também podem ser feitas nos canais digitais da empresa. E lembre-se, o mais importante é oferecer uma boa experiência aos consumidores.

Manter contato com o PDV

É a partir desse contato que você conseguirá entender como está a performance das suas vendas e a quantidade de produtos necessária para alimentar o seu estoque.  

Como mensurar esses resultados?

Como já sabemos, ter ações bem executadas de Sell out geram bons resultados ao varejo, que por sua vez aumenta a quantidade de compras e consequentemente contribui para melhores resultados de vendas no Sell in. Ou seja, ter as duas práticas alinhadas é essencial. 

Nesse cenário, para mensurar os resultados, é importante analisar o histórico de vendas para identificar os padrões de compras e as tendências do B2B e B2C, e, após a avaliação, é interessante catalogar os números em relatórios, pois eles facilitam as futuras análises e podem ajudar a traçar uma meta para ser alcançada em um curto prazo. A partir dessas duas técnicas, é possível elaborar um plano de ação para o crescimento em curto, médio e longo prazo. 

A importância do Sell in e Sell out em conjunto

Uma vez que as ações bem sucedidas no sell out impulsionam os resultados do sell in, tais estratégias devem ser trabalhadas em conjunto para que a performance alcançada seja cada vez melhor.

E, para ter sucesso, o gestor deve acompanhar todas as métricas de comportamento de perto, manter-se atento às informações de estoque e vendas no Sell out e dar atenção aos clientes no Sell in.

Leve a prática do Sell in e Sell out para sua empresa

E então, está esperando o quê para levar as estratégias Sell in e Sell out para a sua Software House? Se você interage com os mais variados públicos, disponibiliza soluções tanto para o cliente final como para outras revendas, precisa levar essa prática para o seu dia a dia o mais rápido possível. 

Colocar essa ideia em ação vai ampliar seu número de vendas, pois todos os argumentos, atendimentos, materiais de marketing, dentre outros, serão personalizados para aquele público específico, tornando a abordagem muito mais assertiva.

Agora você sabe que as estratégias Sell in e Sell out são excelentes para fortalecer toda a cadeia de compra do produto. Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários que responderemos o mais breve possível. 

Casa do Desenvolvedor
Casa do Desenvolvedor
Somos a Casa do Desenvolvedor, uma comunidade que tem como propósito, fortalecer o desenvolvimento de software no Brasil. Faça parte você também dessa comunidade!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.